Lazer

França apoia candidatura de Mbanza Congo a património Mundial

A França manifestou esta semana, em Luanda, através da sua representação diplomática em Angola, apoio sem reservas a candidatura da cidade de Mbanza Congo a património mundial da Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura (UNESCO).

O processo de candidatura está, neste momento, em posse do Comité do Património Mundial, em Paris, e deverá ser analisado no próximo mês de Julho numa reunião do órgão a decorrer na Polónia.
Numa nota de imprensa a que a Angop teve acesso, a representação diplomática francesa acresce que a República francesa faz questão de salientar a qualidade do dossier apresentado junto da Unesco, bem como a dimensão histórica deste sítio a carácter material, imaterial e documental, incontestáveis.
“Os valores universais e excepcionais que a antiga capital do Reino do Congo dispõe são os que a habilitam para a sua inscrição à lista do património mundial”, lê-se na nota.
O projecto de inscrição de Mbanza Congo na lista do Património Mundial, denominado “Mbanza Congo, cidade a desenterrar para preservar”, foi lançado pelo Ministério da Cultura em 2007, com a realização da II Mesa Redonda Internacional.
A cidade foi fundada antes da chegada dos portugueses e era a capital de uma dinastia que governava desde 1483. O local foi abandonado durante guerras civis que eclodiram no século XVII.