Lazer

Arquivos discutidos em Marrocos

Uma delegação angolana integrada pelo embaixador Benigno Vieira Lopes “Ingo” e a directora do Arquivo Nacional de Angola, Alexandra Aparício.

Uma delegação angolana integrada pelo embaixador Benigno Vieira Lopes “Ingo” e a directora do Arquivo Nacional de Angola, Alexandra Aparício, participou esta semana, em Rabat (Marrocos), na 4ª jornada do Dia da Língua Portuguesa e da CPLP, que tem como foco a abordagem sobre os arquivos e os museus. Iniciativa do Instituto de Estudos Hispano-Lusófonos de Rabat, o evento organizado em parceria com as embaixadas de Angola, Brasil e Portugal versou sobre o tema “Arquivos e Museus: Protecção e Conservação do Património Cultural e Histórico Comum”. No seu discurso, o embaixador Benigno Vieira Lopes “Ingo” salientou as boas relações existentes entre os dois países, relembrando os apoios dados por Marrocos nos anos 60 do século XX, durante o período da Luta de Libertação Nacional. O evento que terminou na última quarta-feira contou ainda com as participações de entidades marroquinas, académicos, estudantes e público em geral. À margem do certame, a directora do Arquivo Nacional de Angola, Alexandra Aparício, teve um encontro com o director do Arquivo de Marrocos com quem abordou questões relacionadas com a cooperação entre as duas instituições, que têm elementos históricos muito interessantes para a troca de ideias.