Empresas

Bibala quer dinamizar comércio

O administrador do município da Bibala, província do Namibe, Tchinanga Nkole, manifestou a necessidade dos empresários nacionais e estrangeiros investirem na localidade, sobretudo, no Sector da Agricultura e do Turismo.

O administrador do município da Bibala, província do Namibe, Tchinanga Nkole, manifestou a necessidade dos empresários nacionais e estrangeiros investirem na localidade, sobretudo, no Sector da Agricultura e do Turismo.
Em declarações à Angop, o gestor disse também que o município carece de investimentos ligados aos Sectores da Agricultura e do Turismo, áreas que podem ajudar a alavancar a economia da província.
Tchinanga Nkole afirmou que o município da Bibala oferece as condições necessárias para a prática da agricultura, poispossui solos férteis e grande população de gado bovino, que pode ajudar na indústria de lacticínios e carnes.
“Localmente produzimos diversos produtos hortícolas e cereais como milho, massango e massambala e ainda temos o gado como sendo uma das fontes de sobrevivência e de riqueza do nosso povo. Neste momento precisamos de apostar fortemente nestas áreas, criando projectos que possam gerar mais empregos para o nosso povo”.
Neste município, os camponeses produzem ainda laranja, limão, tangerina e a manga em grandes quantidades, que às vezes se estragam no pomar por falta de escoamento.
Os camponeses apelam para a implementação de indústrias para o fabrico de sumos diversos, já que a matéria-prima existe na região.
Na área do turismo, o responsável apontou alguns pontos turísticos, que precisam de investimento para atrair mais turistas, como, as Águas termais da Montipa, Gravuras rupestres do Karaculo, Forte de Kapangombe, Serra da Leba e Túnel da Humbia.
“São lugares maravilhosos, mas que precisam ainda de um investimento, que passa pela melhoria das vias de acesso, para que possamos ter mais turistas a usufruirem do melhor que a natureza oferece ao município da Bibala”, sublinhou.