Gestão

Investimento eficiente depende dos gestores

O aumento dos lucros e a redução dos custos diários podem ser bons sinais de administração de activos.

A missão da análise financeira de um novo investimento é, na essência, estimar o quanto o novo investimento cria ou não valor para a empresa. Isto nada mais representa do que a análise da relação custo-benefício. O custo é o investimento demandado pelo novo projecto. Já o benefício de um novo investimento geralmente consiste num aumento de lucros ou redução de custos.

As 7 etapas são:
1 - Definição da extensão do fluxo de caixa estimado - consiste na definição do ciclo de vida do investimento, geralmente expresso em intervalos de período anuais;
2 - Estimativa dos investimentos - Investimento é tudo aquilo que precisará ser gasto para colher o benefício esperado. São 4 os tipos de investimento demandados: fixos, pré-operacionais, capital de giro líquido e gastos operacionais comuns;
3 - Estimativa das entradas e saídas operacionais do projecto - Estamos tratando dos benefícios esperados do novo investimento, geralmente associados a um aumento dos lucros ou a uma redução dos custos. Não esquecer que a depreciação tratada como custo visa aprimorar o cálculo do Imposto de Renda e da CSLL. Todavia, ela é somada ao lucro do projecto para determinação do fluxo de caixa. A depreciação não é um gasto desembolsável. O desembolso aconteceu no momento do investimento. O mesmo comentário vale para a amortização
do investimento diferido;
4 - Valor residual - O valor residual é um valor considerado na data de encerramento do fluxo de caixa projectado. Um exemplo de valor residual é dado pelo valor de mercado para liquidação dos bens do activo fixo. Assume-se que no encerramento do projecto todos activos fixos serão liquidados. O valor de mercado deverá ser deduzido do valor contável líquido da depreciação;
5 - Definição do custo do capital - define uma estrutura de capital padrão e também custos de capital de bancos e accionistas padrão. É feita uma média ponderada conforme já demonstramos;
6 - Aplicação dos métodos de avaliação do investimento - Os principais métodos para avaliação de um novo investimento são: taxa interna de retorno), a de retorno modificada, valor presente líquido e o payback.

7 – Acompanhamento do investimento - Devemos acompanhar o fluxo de caixa do projecto aprovado, desde o investimento inicial até a execução, pelo menos, nos primeiros anos de benefício dos resultados. Estamos a querer dizer o seguinte: comparar o orçamento com a realização.