Artigo

Finanças

Preços sobem poder de compra

Os supermercados Kero e Shoprite, dos cinco que se visitou durante o mês de Junho, foram os que apresentaram a maior quantidade de produtos com o menor preço. Em cerca de 10 produtos, os dois agentes da cadeia de logística retalhista mostraram preços mais baixos em cerca de 10 itens (conforme quadro ao lado).

Os supermercados Kero e Shoprite, dos cinco que se visitou durante o mês de Junho, foram os que apresentaram a maior quantidade de produtos com o menor preço. Em cerca de 10 produtos, os dois agentes da cadeia de logística retalhista mostraram preços mais baixos em cerca de 10 itens (conforme quadro ao lado).
No levantamento da equipa do “Hora das Compras”, os 10 produtos que mantiveram os preços baixos foram farinha de trigo, óleo, arroz, massa alimentar, batata rena, frango, fuba de milho, fuba de bombo, pão e o açúcar.
Para os demais produtos, o feijão registou um aumento de preços, quando comparado ao mês anterior em todos supermercados. Já o operador que durante o mês apresentou as prateleiras sempre cheias, numa clara demonstração de capacidade de stock para atender a procura, foi o Supermercado Candando.
Na conversa com compradores, a constatação, quase generalizada, é a de que sobe o seu poder de compra, porquanto com a mesma quantia de dinheiro de há dois meses, compra-se mais.

Cacimbo de promoções nos electrodomésticos

A época do cacimbo é, por excelência, a melhor ocasião em Angola para comprarem-se electrodomésticos outros enfeites domésticos.Em quase todos os supermercados, lojas e casas de referência, encontram-se referências de promoções com baixas de preços.
Ar condicionados, bebedouros, geleiras, arcas e até mesmo fogões à gás são dos muitos aparelhos que podem ser comprados, por agora, a um preço fora do comum.
Por exemplo, por um aparelho de ar condicionado de 9000 btu, que normalmente paga-se 100 a 110 mil kwanzas, nesta fase, compra-se a um preço variável entre os 75 e os 86 mil kwanzas. Nas referências mais altas, a tendência de descida é também observada ainda que em menor escala.
De acordo com técnicos de venda dos supermercados, “nesta época de cacimbo os electrodomésticos têm pouca saída, principalmente, os aparelhos de ar condicionados”.
Tal como se costuma dizer “no aproveitar esta o ganho” e é se um bom momento para que se compre, sobretudo, os electrodomésticos.