Finanças

Comité mantém taxas de referência

As taxas básicas de juro - Taxa BNA (16 por cento), a de Facilidade Permanente de Cedência de Liquidez (20) e a de Facilidade Permanente de Abosorção de Liquidez (2,75), ao ano, foram mantidas, de acordo com as decisões saídas da mais recente reunião do Comité de Política Monetária do Banco Nacional de Angola (CPM).

As taxas básicas de juro - Taxa BNA (16 por cento), a de Facilidade Permanente de Cedência de Liquidez (20) e a de Facilidade Permanente de Abosorção de Liquidez (2,75), ao ano, foram mantidas, de acordo com as decisões saídas da mais recente reunião do Comité de Política Monetária do Banco Nacional de Angola (CPM).
Na reunião em que foram analisadas a evolução dos indicadores relativos à economia nacional com realce para os sectores Real, Fiscal, Monetário e Externo, bem como o comportamento da economia internacional, foi prestada particular atenção à evolução dos preços na economia nacional, tendo o comité notado que a inflação homóloga continua a perseguir a sua trajectória descendente iniciada em Janeiro de 2017.

Economia monetária
Conforme o comunicado que o BNA fez publicar na sua página de internet, no mês de Agosto de 2017, a taxa de inflação mensal, medida pelo índice de preços no consumidor da província de Luanda, publicada pelo Instituto Nacional de Estatística (INE), foi de 1,66 por cento, contra 1,77 no mês anterior e 3,30 em Agosto de 2016. Assim, a inflação dos últimos doze meses situou-se em 26,95 por cento, contra 29,01 no mês anterior e 38,18 no período homólogo de 2016, o que reflecte o curso descendente da inflação homóloga iniciado em Janeiro.
As classes que registaram maior variação de preços no mês de Agosto, foram a classe “lazer, recreação e cultura” com 3,62 por cento e a classe “saúde” com 3,23. No entanto, as classes que registaram menor variação de preços foram “comunicações” e “transportes” com 0,03 e 0,3, respectivamente.
As classes que mais contribuíram para a inflação no mês em análise foram “alimentação e bebidas não alcoólicas” com 0,49 pontos percentuais (p.p) e a de “bens e serviços diversos” com 0,29. Todavia, as classes que menos contribuíram foram a dos “transportes” com 0,02 e a de “hotéis, cafés e restaurantes” com 0,04 ponyod, respectivamente.