Finanças

BDA promove campanha de sensibilização com o foco na diversificação da economia

O Banco de Desenvolvimento de Angola (BDA) pretende promover o empreendedorismo sustentável por via do uso adequado dos financiamentos para o investimento cedidos pela banca e isso através da “Campanha Diversificar”, cuja apresentação pública aconteceu esta semana, em Luanda.

O Banco de Desenvolvimento de Angola (BDA) pretende promover o empreendedorismo sustentável por via do uso adequado dos financiamentos para o investimento cedidos pela banca e isso através da “Campanha Diversificar”, cuja apresentação pública aconteceu esta semana, em Luanda.
Dirigida às empresas, instituições públicas e empreendedores, a acção visa reforçar o conceito do circulo virtuoso da economia, como modelo de uma conduta responsável no que toca ao reembolso dos créditos concedidos pela banca.
Alinhada às iniciativas de educação financeira do sector bancário, o BDA augura estabelecer uma ligação directa entre a aplicação correcta dos recursos do crédito com o investimento.
Deste modo, a capacidade para os reembolsar e a continuidade da disponibilidade de novas oportunidades de crédito, constam também dos objectivos. A ideia é permitir que outros cidadãos venham a beneficiar dos financiamentos disponibizados pela banca.
Segundo o administrador do BDA, Ângelo Filipe, a acção vai permitir influenciar os agentes económicos a adoptarem as boas práticas que acabam por promover investimentos sustentáveis que garantam o aumento da oferta de bens e serviços.
“Desta forma, haverá maior produção para o mercado interno e para a exportação, criando empregos permanentes e garantindo o retorno do crédito ao banco pelo retorno do capital investido”, disse.
Com um teor didáctico que privilegia a utilização de folhetos e um vídeo animado sobre o processo de diversificação da economia, 21 agentes cívicos vão explicar aos empresários, empreendedores e aos cidadãos em geral, o contributo que o BDA pode dar para a diversificação da economia nacional.