Empresas

Feira do Cuanza Norte vai ter carácter regional

O governador do Cuanza Norte, José Maria Ferraz dos Santos anunciou o alargamento da feira empresarial da província para nível regional com a integração das províncias do Uíje e Malanje.

O governante fazia o balanço da primeira feira internacional do Cuanza Norte, encerrada domingo último, aludindo que fruto dos resultados alcançados, os governos do Cuanza Norte, Uíje e Malanje já projectam a realização de feiras regionais periódicas para promoção de negócios e atracção do investimento privado e não só.
Para o efeito, referiu, os três governos provinciais encontram-se empenhados na determinação das datas e periodicidade da realização da feira regional de negócios que se espera que venha atrair grandes investimentos e auxiliar a diversificação da economia na região e promover novas oportunidades de emprego.
Por outro lado, José Maria Ferraz dos Santos manifestou-se satisfeito com o sucesso alcançado na primeira feira internacional da província e enalteceu o contributo prestado por todas entidades envolvidas na realização do evento que permitiu juntar empresários, publicitar o potencial económico da província e atrair para região, novos investidores em vários domínios.
Disse que a primeira feira empresarial do Cuanza Norte abre uma nova era para a província, fruto do nível de participação das empresas e adesão da população ao evento, factor que motiva o governo local a apostar na promoção contínua de eventos do género.
José Maria Ferraz disse que o governo vai aproveitar o recinto da última feira internacional da província para promoção de feiras regulares que auxiliem a comercialização da produção dos pequenos empreendedores, sobretudo do ramo agrícola, mediante a realização de feiras da fruta, dos doces, da agricultura, do artesanato, entre outras.
Decorrida de 25 a 28 de Maio em curso, sob o lema “Cuanza Norte – o renascer da esperança”, a primeira feira da província contou com a participação de mais de 100 expositores nacionais e estrangeiros, com maior destaque para o sector do agronegócio.